Fundo dos Trouxas: a politicalha insiste

Esse trem da alegria imoral tem que acabar.

Definitivamente, a insistência da politicalha em emplacar mais 1,8 bilhão ao famigerado fundo eleitoral é mais do que imoral.

É um atestado de óbito.

A pretensão da corja é tirar mais grana dos supostos trouxas -o povo que trabalha- para usar em campanhas para fabricar mais trouxas.

Eleitores.

A insolência dos gajos fica mais clara -e fede mais ainda- depois das eleições de 2018, quando um presidente se elegeu sem usar praticamente nada de fundo eleitoral.

Não há argumento plausível, possível ou sequer imaginável que justifique a existência desses fundos, e muito menos o seu aumento.

São trouxas -que ficarão sem essa grana para aplicação em saúde, educação e segurança- pagando para serem trouxas, na concepção e no palavrório inútil desses malfeitores.

Serão 3,8 bilhões jogados fora, se aprovado.

Sem essa grana, sem cargos para essa matilha.

Mas não é só: com a farra das eleições aparecem as gráficas fantasmas, os fornecedores de coisa alguma, os reis das notas frias, palhaços que usam fundo pra terem votos da mãe, do cachorro e do papagaio.

Bruno Carazza, especialista em políticas públicas, avalia que entre 2020 e 2022 serão torrados pelos partidos cerca de 12 bilhões, somando-se fundo partidário e eleitoral.

Que essa gentalha não tenha dúvidas: votar a favor desse aumento será colocar um carimbo indelével na própria testa.Um carimbo que não poderá ser retirado nunca mais.

Porque, na atual conjuntura, político que votar por esse aumento é um caso perdido, um sujeito que luta apenas em causa própria e não pelo país.

E o povo não aguenta mais vagabundo.

Um atestado que- também não duvidem- será registrado e não esquecido por toda a sociedade.

Nome a nome, assinatura por assinatura.

Neste momento, na Câmara, são 281 indecisos e 77 da escória a favor.

No Senado, 49 indecisos e 8 a favor.

Indecisos, leia-se, são os que ficam em cima do muro esperando pra ver quem paga mais.

Vamos acompanhar.

Esse trem da alegria imoral tem que acabar.

Sem grana, essa politicalha terá fatalmente que fazer o que todos fazemos para viver:

Trabalhar.

A lista, e a petição que podemos assinar contra o Fundo dos Trouxas está aqui, só clicar.

marcoangelifull

publicitário, artista plástico e cidadão

Apoie a independência do nosso trabalho. Colabore com qualquer valor através da nossa Vakinha virtual

Mais de marcoangelifull

Comentários

Mais em Política