Querem nos calar

A frágil democracia brasileira, ameaçada pelos ditadores de ocasião

Quando acaba a razão vem fatalmente a imposição.

Geralmente à força.

Na marra, como diriam meus avós.

Esse é o lema de todo o regime autoritário, ou ditatorial.

Regime de republiqueta das bananas, onde homenzinhos impõem ao povo sua vontade intimidando, prendendo, tocando o terror.

É o fim da democracia como a conhecemos.

E o fim, igualmente, da Constituição e do que ela significa: a liberdade de expressão garantida por cláusula pétrea a todo cidadão.

A pandemia que assola o mundo parece ter trazido consigo um mal há muito não visto por estas terras tupiniquins: a concessão absoluta de poder ilimitado à pessoas e políticos que, em seus delírios, sonham com o poder da ponta da baioneta.

Brazuela.

Perigosamente, usando a praga do pensamento politicamente correto, a censura vai se estabelecendo no Brasil, atropelando a Constituição e negando ao povo a liberdade de ir e vir.

E o direito à opinião.

Há alguns dias, recebi, ao mesmo tempo que minha parceira, a cineasta Yara Katagiri, uma intimação para ‘prestar esclarecimentos’ sobre o conteúdo de nossos vídeos na Delegacia de Crimes Digitais do DEIC, em São Paulo.O não comparecimento voluntário implica em ‘condução coercitiva’, que todos sabem o que significa: condução à força pela polícia.

Para quem não sabe. o DEIC é o Departamento Estadual de Investigações Criminais.

Sabemos que começam, nestes dias, a acontecer casos como esses pelo país, especialmente com formadores de opinião ou ativistas.

Veja o vídeo conosco, reflita e compartilhe:

Esse tipo de ação totalitária não é novo mas exercido dessa forma, ostensivamente, aciona um alerta: se não for combatido, é o primeiro passo para o fim da democracia por aqui.

Nada, absolutamente nada, justifica o cerceamento da liberdade dos cidadãos honestos de uma nação democrática.

Nem mesmo uma pandemia.

Que, diga-se de passagem, está sendo usada para fins políticos, para roubalheiras em geral e todos os etc.

marcoangelifull

publicitário, artista plástico e cidadão

Apoie a independência do nosso trabalho. Colabore com qualquer valor através da nossa Vakinha virtual

Mais de marcoangelifull

Comentários

Mais em Gerais