STF: testando a paciência dos brasileiros

Se a casa cair, não será por falta de aviso.

O STF vai chegando num limite perigoso.

Decisões atabalhoadas, desprezo pela Constituição, arrogância e a inacreditável mudança de leis para favorecer interesses escusos de um grupo nas sombras foram, devagar e sempre, acabando com a paciência e o respeito dos brasileiros decentes.

Esse, sem dúvida, foi o aviso das urnas.

E que vem sendo dado nas redes sociais.

Na real, não há palavrório em juridiquês que consiga tapar o sol com a peneira gasta desses juízes: a intenção é mesmo dar a luladasilva, o penado de Curitiba, o status de inocente da silva.

E nada mais.

O resto é firula, conversa mole pra inglês ver.

O problema é que a maioria absoluta dos brasileiros de verdade não enxerga a coisa dessa forma.

Não mesmo.

Nas ruas, com o atestado de inocência carimbado pelos 11 ilustres do STF, lula vai imediatamente começar uma campanha pela presidência.

Não há, no imaginário do povo, algo mais assombroso e desonesto.

Basta imaginar como se sentiriam os cidadãos honestos deste país, aqueles mesmos que ralam dia a dia no trabalho, pagam impostos exorbitantes e respondem na justiça pela menor falta -duramente- ao ver na rua um notório corrupto, o maior da história deste país.

Favorecido descarada e imoralmente por uma justiça de dois pesos, duas medidas e duas caras.

Uma para o cidadão e outra para lula et caterva.

Não vai prestar...cheira mal, fede.

Toffoli, o empenhado no caso, sabe bem disso.

E vai testando o saco dos brasileiros, devagar.

Já anunciou que os votos finais que decidirão a prisão ou não em segunda instância não serão proferidos hoje, e sim em sessão extraordinária já convocada para as 9.30 hs do dia 23 de outubro.

Hoje, só um teste.

Mais juridiquês, discursos exaustivos de advogados, ministros e procuradores.

A decisão sobre o tema poderia, suspeito, ser dada amanhã mesmo, já que parece haver um funesto acordo entre os 11 que já fecha a questão contra o povo brasileiro.

Mas reza um sábio ditado popular que quem tem orifícios sensíveis tem medo.

Barrigas é que não faltam pra empurrar o imbroglio.

É fato.

Se a casa cair, não será por falta de aviso.

Ele está por aí, na voz de todo o povo, em todo o Brasil.

E até na voz do general Villas Bôas.

Para qualquer um ver.

marcoangelifull

publicitário, artista plástico e cidadão

Apoie a independência do nosso trabalho. Colabore com qualquer valor acessando: apoia.se/marcoangelifull

Mais de marcoangelifull

Comentários

Mais em Política